Publicidade

segunda-feira, 12 de maio de 2008

Chega

"Pra mim chega", ouviram-no dizer, e depois soltar um sonoro "não agüento mais essa situação". Poucas pessoas estavam entendendo o que o cara queria expressar, fora uma única pessoa. Ela, sim, entendia tudo perfeitamente.

"Quando a gente começou, não era para ser assim", ele falava. A voz embargada e os olhos lacrimejando mostravam que guardou tudo aquilo por um bom tempo. "Dediquei muito de mim a isso e agora tu me vem com essa? Pode parar com isso". E a outra pessoa só ouvindo, pacientemente. Não demonstrava nenhuma reação, embora ele soubesse que, por dentro, também não estava agüentando aquilo tudo.

Ele alterou a voz, não conseguiu mais se controlar. “Assim não dá, mesmo. Investi muito nisso tudo, muito! Não sabe tudo o que tive de abdicar para estar aqui, porra?”, continuava. "Sei que é tudo muito novo para nós, mas eu não esperava que fosse assim, tão difícil", insistia ele.

Os demais continuavam não entendendo. Aquelas duas pessoas ali, cada uma em seu canto. Uma berrando e chorando, enquanto a outra apenas ouvia. Até que o segredo foi revelado. Sim, o segredo. Aquilo que ninguém sabia, aquilo que ninguém imaginava, foi escancarado por ele, que, com toda a certeza, não agüentava mais aquela situação incômoda e que fazia, a cada noite, não dormir direito, apenas pensando nas conseqüências que aquilo tudo poderia trazer, tanto para ele, quanto para a outra pessoa.

"Porra, investi uma grana do caralho nessa equipe e o que a gente teve de resultados? Apenas um quinto lugar! QUINTO LUGAR em doze corridas! E nas demais, nada de pontos. Nadinha", berrava ele. "Sabe o que isso significa?", perguntou. É claro que não, ele sabia que a pessoa com quem estava falando não sabia de nada. "Significa, caramba, que os nossos patrocinadores vão embora e vou ter que fechar essa merda, tudo porque tu não conseguiu preparar a porra do motor direito". E finalizou com um "pra mim, chega! Saia já da minha sala."

5 comentários:

mundo a fora disse...

brigada pela visita de coração

e sim pode ser do jeito q vc achar melhor, no então q divulgue o selo da campanha. vamos ajudar a banir a pedofilia da internet

bjoka

vamos trocar links, uma parceria q tal?

qual o blog q posso tá entrando em contato? qq um?

Tarso Marques disse...

Acho que ja vi essa cena uma ou duas vezes....apenas mudando uma certa frase: "porra, voce nao serve pra pilotar", "a merda do carro nao faz curva...", ...e por ai vai, hahaha

Abraço

Mar e Ana disse...

uau
q bronca =p

Aconteceu isso com vc é?

:*

Pedro Favaro disse...

pior forma de tomar esporro: quando vc está errado.

ter motivos para ficar calado é uma merda.

Nina 512 disse...

caraca... tu ta ficando bom nisso ein
escrevendo textos que no começo parecem uma situação
e que prende o leitor...
e no fim, algo inesperado...

to gostando demais disso
sério mesmo


te adoro meu bem.

;)

bjoo