Publicidade

quarta-feira, 20 de agosto de 2008

Pai e solteiro

Eu quero ser pai. Ao contrário da Nina - que escreveu um texto no qual defende não querer ser mãe e que me inspirou esse texto - gosto de criança. Tanto é que trabalho com elas no Grupo Escoteiro Lídia Moschetti. Sou chefe da alcatéia e os fedelhos têm entre 7 e 11 anos. E eu amo aquelas crianças e elas me amam. Disso eu tenho certeza. Caso o sentimento não fosse recíproco, elas não teriam demonstrado carinho para com a minha pessoa. Até porque crianças são sinceras ao extremo - ao contrário de nós, adultos.

Repito: eu quero ser pai. Volta e meia imagino que eu seria um ótimo pai. Às vezes fico até chateado por ainda não ter feito um filho. Porém, a razão, nesses momentos, fala mais alto. Camisinha é sempre usada porque não tenho parceira fixa e o dinheiro, infelizmente, é escasso.

Eu vou ser pai. Isso é fato. Se não tivesse essa certeza, não teria escrito os parágrafos acima.

Mas como sempre existe o "porém" em meus textos, aqui vai outro - no segundo parágrafo eu já escrevi um. Não me vejo casado. Não que eu me ache o gostosão do pedaço. Na verdade, não me acho nem mesmo bonito. No máximo um bonitinho, que é um feio arrumado.

E tenho alguns motivos para prever que serei um ótimo pai, mas solteiro. O primeiro deles é a descrença em relacionamento duradouro. Amor em relacionamento, pra mim, não existe. Aquele amor eterno, essas coisas, pra mim não existe. Porque relacionamentos sempre acabarão, já que são movidos por paixão muitas vezes - e paixão é uma coisa momentânea, mas isso é assunto pra outro post.

Também tem a questão de eu ser muito mais racional do que emocional. Relacionamentos sempre vieram atrás da minha vida profissional. Isso não me torna um porco-capitalista. Bem, eu acredito que não me torna.

Outro que me faz pensar assim é a minha falta de aptidão para me prender a alguém. Quando estou com uma guria, é fato, ela é tudo pra mim. Mas isso é momentaneamente. Tudo o que signifique rotina - como um namoro ou um casamento - não me desce pela garganta. Nunca gostei de rotina e relacionamentos, infelizmente, me fazem pensar em rotina.

Acordar todo o dia ao lado da mesma guria durante 10, 15 anos, deve perder o encanto. Pelo menos eu me imagino assim. Mas me vejo como um ótimo companheiro. Aliás, como um ótimo amante - e isso não significa que curto ser sempre o outro -, mas não como de uma só guria.

Eu quero ser pai. Eu vou ser pai. E eu vou ser solteiro. Mas se tem alguma guria aqui que possa ter algum interesse em mim, não se preocupa: serei, também, um ótimo amante. Mas não exclusivo de uma só guria.

17 comentários:

Vinícius Ghise disse...

Sabe véio, logo vou escrever sobre isso. Também quero muito ser pai, e me sinto cada vez mais pronto para tal.

Sobre ser pai solteiro, não sei ainda. Sonho em compor uma família, brega né? Fazer o q? heeh

Pior é que é verdade :P

Rodrigo Dias disse...

Billy, não acho brega tu querer constituir uma família. Significa que tu tá maduro o suficiente pra isso.

Pode ser considerado, também, uma questão de maturidade. Assim como me considero maduro para ser pai.

Dama de Cinzas disse...

Eu sou da mesma opinião que a Nina, até acabei de comentar lá...

Afinal o mundo é feito de todos os tipos de pessoas e se todos tivessem filhos, acho que nem teria mais espaço nesse planeta pra tanta gente... rs

bjs

Tatah Marley's Confissões disse...

'Amor em relacionamento, pra mim, não existe. Aquele amor eterno, essas coisas, pra mim não existe. Porque relacionamentos sempre acabarão, já que são movidos por paixão muitas vezes - e paixão é uma coisa momentânea.'

Voce me decepciona. ¬¬
huiahisahishahsashauisa
é, muitas coisas hoje em dia sao movidas por paixoes, e eu por muito tempo tbm penso em monotonia, acordar do lado do mesmo cara durante 10, 15 anos..
mais é isso que faz o amor, e talvez voce nao entenda isso pqe nunca apareceu nenhuma guria que te manteve de quatro arriado REALMENTE!
Ahh, mais se DEUS quiser vai aparecer, a vai.. ¬¬
ram!
Pra ver se tu paga essa lingua!
rá.

mais acho bonitinho voce querer ser pai.
Eu mesma sonho em ser mãe, de uns 8 filhos de preferencia (meu ex falava que depois do 5º ia descer que nem tobogã, mais isso nao me assusta.. --' hiasuahi). Morro de vontade, e tbm pretendo ser mae solteira, mais nao por nao querer um marido, mais por medo de achar caras tipo com o pensamento igual ao seu sempre.. pqe assim é foda né.. a gnt querendo coisa seria, e os homens pensando assim. Complica toda a sintonia!
hsuaishiahsuiauishuahsuia

own, voce de papai vai ser uma gracinha!
Se eu fosse tua filha, teria orgulho de um pai tão idealista assim, serio mesmo.
e tá mais que certo em colocar profissionalismo na frente de familia!
Afinal, nao dá pra sustentar um filho sem dinheiro né?

beeeijo gato garoto
;*

Leandro BLuz disse...

Tchê, eu tbm tenho uma vontade de ser pai, mas como tu disseste, a razão me impede.

Acordar 10,15 anos ao lado da mesma garota tbm me assusta, namoro há 2 anos, mas só nos vemos aos finais de semana, o q dá aquela saudadezinha. Mas todo dia, não sei como seria.

Mas cara, sei lá, vai que uma hora alguém faça teu coração disparar? Tenho muitas teorias sobre isso também, quem sabe sentamos numa mesa de bar e passamos a noite toda discutindo teorias ??? Hehehehe

Abraço

Ana disse...

Concordo com grande parte de tuas idéias.
Mas veja bem, tu acabou de queimar teu filme com todas as gurias com a última frase. Depois dessa, só posso desejar boa sorte na busca pela mãe do teu filho.

Piero disse...

Cara, eu confesso que não me dou muito bem com criança pequena, de colo. Mas eu gostaria, sim de ter filhos. E ter uma família com a guria qe irá gostar de mim tanto quanto eu gosto dela. E não me assusta a possibilidade de dormir todo dia com a mesma pessoa do lado. E como diria um certo beatle:
Quando eu ficar mais velho, perdendo meus cabelos
Muitos anos adiante
Você ainda irá me mandar presentes no dia dos namorados
Saudações no aniversário, garrafa de vinho?
Se eu estiver fora até quinze pras três
Irá trancar a porta?
Você ainda irá precisar de mim, ainda irá me alimentar
Quando eu estiver com 64?

Izze. disse...

Beeeeem dito, senhor Dias. ^^

Eu compartilho da opinião da Nina: não quero ter filhos!

Botar filho no mundo sem querê-los não presta, a não ser pra criar prováveis bandidinhos, mas disso o mundo tá cheio já. =B

Quer ter filho? Que tenha!
Não quer? Que não tenha então!

Cada um fica feliz com as suas escolhas...=]

Rodrigo Dias disse...

É, Ana, a minha última frase passa a imagem de que serei cafajeste. Infelizmente foi o que passei.

Entretanto, o que quis dizer com o sem exclusividade é que, como não me vejo casado, não serei de uma só. Ou seja, solteiro, nada me impede de ter mais de uma. E as gurias fazem a mesma coisa, sejamos francos.

Enfim, me queimei? Acho que não. Tudo depende do ponto de vista de cada, assim como de cada interpretação.

Ah, Ana, e a frase "boa sorte na busca pela mãe do teu filho" é uma como se eu tivesse procurando mulher apenas pra procriar. O que não é verdade - e é o que penso ter deixado claro no texto quando explicitei os porquês de eu não me ver casado.

Não sou cachorro pra achar uma guria como se ela tivesse no cio e depois largar pra cuidar da prole. Nada disso - e deixei claro também, penso.

E os demais podem estar certos ou errados. Escrevi esse texto com base em minhas experiências e minha personalidade. Tudo vai depender do que acontecer no futuro. E no futuro eu não penso. Penso no presente, vivo a vida.

Bibiana Barbará disse...

Haha, bom só posso te dizer que ser pai é mais fácil que ser mãe, tão tão mais simples e menos desgastante.

Bom mas eu quero ser mãe porque um dia quero ser avó, hehe

bjoss

vanessa disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
vanessa disse...

Eh muito fácil você dizer que não que não se vê namorando ou cazando agora que você está com o coração vazio.
Até que seu coração balançar de verdade,e n me refiro akela atração,tenho a certeza que vc mudará de idéia.
Eu já vivi várias fases de minha vida e te digo com certeza,sou mais feliz quando estou amando.
E ser pai eh algo maravilhoso, mas duvido q alguem tope ser a mãe do seu filho sabendo desse seu pensamento.
Acredito que paixão seje algo passageiro.Mas ai fica o companheirismo.Ficar só na velhice não eh algo atraent...

Camila disse...

Não o conheço para afirmar com convicção, mas meu irmão tinha idéias parecidas com as tuas.
E foi exatamente como vc tá descrevendo aqui... até, ele encontrar uma mulher que o encantou de maneira profunda.
POr enquanto tbm não penso em me casar e a idéia de acordar com o mesmo homem o "resto de minha vida" me assusta... mas se ele for incrivelmente bacana, acho q consigo fácil fácil, mudar meu conceito!
E creio q seja mais fácil ser um pai solteiro do que ser uma mãe solteira, né?!
BeijoooOO

Rodrigo Dias disse...

Pessoal, por favor, digam-me onde eu disse que quero achar uma mulher apenas para ter filhos. No momento em que vocês encontrarem algo como "eu quero ser pai solteiro e mulher pra mim é só pra procriar" eu deleto esse texto.

Em momento algum eu disse isso. Em momento algum, mesmo, eu falei "mulheres, abram as pernas, mas não queiram casinho". O que fiz foi uma reflexão sobre a minha personalidade e minhas experiências.

Não estou negociando com uma guria "me terás por uma noite e um filho comigo, viu que bacana?". Não sou um filho-da-puta pra fazer esse tipo de coisa. Se fosse assim, eu nem quereria ser pai. Seria apenas um reprodutor. E, para isso, deixaria meu líquido num banco de espermas.

E acho que tem gente confundindo a questão do amante. Amante não é uma palavra pejorativa. Pelo menos eu não a considere uma.

Repito: com base nas minhas experiências, a probabilidade de eu ser um pai solteiro - e não um procriador, como muitas devem estar pensando - é grande. Mas nada impede que essa previsão esteja errada. Não se pode prever o futuro.

Piero disse...

Dizem que eu fui responsável por um baby boom em uma tribo indígena de Manaus. Não é verdade. Tudo filho do boto. Eu juro.

Nina disse...

"filhos dos botos" huhuhu



Em relação ao teu post, ser pai deve ser 1 milhão de vezes mais fácil do que ser mãe...

hahaha

vc precisa arrumar uma parideira huahauahauhaua


Quando resolver ter um filho, avise a mãe que ela será "mãe solteira" (brincadeira, foi só pra continuar zoando). Entendo perfeitamente esse seu problema com rotina. Sofro com isso em relação a trabalho. O sonho da minha vida é ter uma carreira legal, so que odeio rotina... Não consigo parar em um trabalho, vivo mudando.

Mary West disse...

Blé meu mesmo pensamento. Me vejo muito como uma mãe de garotos danados, mas como esposa...Já é outros 500.